Preprint has been submitted for publication in journal
Preprint / Version 5

THE ACCESS OF STUDENT WITH VISUAL IMPAIRMENT TO HIGHER EDUCATION: MICRODATA ANALYSIS OF THE NATIONAL HIGH SCHOOL EXAMINATION

##article.authors##

DOI:

https://doi.org/10.1590/SciELOPreprints.1969

Keywords:

special education, large-scale evaluation, digital accessibility, ENEM microdata, people with visual impairments

Abstract

The Brazilian National High School Examination (Exame Nacional do Ensino Médio – ENEM) is the main instrument of access to the Brazilian Higher Education, and its results are also used by public policies for state-subsidized places. Thus, the aim of this study was to analyze the access to Higher Education of students with visual impairments, investigating factors related to academic performance in the large-scale assessment of ENEM, through the analysis of ENEM microdata from the 2017 and 2018 editions. Based on the exploratory research methodology, with a quantitative approach, this study investigated the participation, socioeconomic and demographic characteristics and the performance of people with visual impairments (PwVi) in the exam compared to participants without disabilities, in order to identify vulnerabilities in the access of PwVi to Higher Education. The results showed the low participation of PwVi in the exam, in addition to the fact that they have lower family income, older age, less female participation and less concentration in the South and Southeast regions of Brazil in relation to participants without disabilities. The performance analysis points out that PwVi had similar results to people without disabilities, thus demystifying the concept of disability related to people with disability. However, the results varied according to the severity of the disability, signaling possible accessibility issues in the exam, thus jeopardizing participants with more severe visual impairment. It was concluded that the education policies of access to Higher Education, which use the ENEM score, do not apply to part of this population, excluded from the benefits of Higher Education subsidized by the State.

Downloads

Download data is not yet available.

Metrics

Metrics Loading ...

Author Biographies

Lucinda A Leria, Universidade Federal do ABC

Possui Graduação de Tecnóloga em Construção Civil pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (1983), Especialização em Gerenciamento de Projeto de Tecnologia da Informação pela Faculdade Politécnica da USP (Engenharia de Produção), Mestrado em Engenharia da Informação pela Universidade Federal do ABC (2016) e, atualmente, é Doutoranda em Engenharia da Informação pela Universidade Federal do ABC (inicio em 2017). Possui 26 anos de experiência na área de Ciência da Computação, com ênfase em Sistemas de Informação. Atua principalmente nos seguintes temas de pesquisa:Educação Especial, Tecnologia Assistiva, Acessibilidade Digital e Acessibilidade em avaliações em larga escala.

Priscila Benitez, Federal University of ABC

Professora Adjunta na Universidade Federal do ABC (UFABC), credenciada para orientação de dissertação de Mestrado no Programa de Pós-Graduação em Engenharia e Gestão da Inovação da UFABC. Doutora em Psicologia (UFSCar, bolsista FAPESP e CAPES-PSDE), Mestre em Psicologia (UFSCar, bolsista CAPES-Reuni), Especialista em Intervenção familiar: psicoterapia e orientação sistêmica (FAMERP-SJRP/SP) e Graduada em Psicologia e Pedagogia. Realizou estágio de Doutorado Sanduíche no exterior (com bolsa CAPES-PSDE) na Universitat de Barcelona (Departament de Psicologia Evolutiva i de lEducación) e no Centro de Investigación y Enseñanza del Lenguaje. Realizou visita técnica (com bolsa FAPESP) no Autism Support Services: Education, Research and Training (ASSERT), na Universidade Estadual de Utah (EUA). Pesquisadora do Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia sobre Comportamento, Cognição e Ensino (INCT-ECCE). Líder do GPEEI - Grupo de Pesquisa em Educação Especial e Inclusiva da UFABC. Atua nas seguintes áreas de pesquisa: Análise do Comportamento Aplicada (ABA), autismo, deficiência intelectual, educação especial e inclusiva e família. Mãe da Cecília, esteve em licença maternidade em 2017.

Leonardo Alves Ferreira, Federal University of ABC

Possui graduação em Ciência e Tecnologia (2016), graduação em Engenharia biomédica (2020), e mestrado em Engenharia Biomédica (2020) pela Universidade Federal do ABC (UFABC). Tem experiência na área de Engenharia Biomédica, com ênfase em processamento de sinais e imagens médicas.

Francisco J Fraga, Universidade Federal do ABC

Possui graduação em Engenharia Elétrica Modalidade Eletrônica pela Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (POLI-USP), mestrado em Engenharia Elétrica pela mesma instituição/unidade (POLI-USP) e doutorado em Engenharia de Computação pelo Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA). Atualmente é Professor Associado da Universidade Federal do ABC. Tem experiência na área de Engenharia da Informação, com ênfase em Processamento Digital de Sinais e Reconhecimento de Padrões, atuando principalmente nos seguintes temas: processamento de sinais biomédicos, aprendizado de máquina, auxílio ao diagnóstico de doenças neurodegenerativas.

Posted

03/31/2021 — Updated on 10/14/2021

Versions

How to Cite

Leria, L. A., Benitez, P., Ferreira, L. A., & Fraga, F. J. (2021). THE ACCESS OF STUDENT WITH VISUAL IMPAIRMENT TO HIGHER EDUCATION: MICRODATA ANALYSIS OF THE NATIONAL HIGH SCHOOL EXAMINATION. In SciELO Preprints. https://doi.org/10.1590/SciELOPreprints.1969 (Original work published 2021)

Section

Applied Social Sciences